Google abandona Windows internamente por motivos de segurança

Windows quebradoDe acordo com o Financial Times, o titã da tecnologia tem lentamente eliminado o uso do Windows internamente desde janeiro, não muito tempo depois de ter sido agredido por hackers chineses. Por exemplo, aos novos contratados já não são oferecidos PCs Windows – as escolhas são agora um computador Apple Mac ou um PC com Linux.

Porém, as políticas internas do Google em torno do uso do Windows não são claras. Alguns funcionários ainda podem instalar o Windows em seus laptops, mas não em seus desktops. O funcionário precisa de permissão explícita de “níveis muito altos”, a fim de continuar usando o sistema operacional da Microsoft.

O movimento faz sentido: Windows e Internet Explorer tem sido vetores para acesso de hackers a contas pessoais e dados confidenciais dos servidores do Google. E claro, a Microsoft também é um dos seus principais concorrentes.

Notícia obtida de: BoaCuca.

Anúncios
Esse post foi publicado em Destaque, Exclusivo, Google, Linux, Software Livre, Web, Windows e marcado , , . Guardar link permanente.

8 respostas para Google abandona Windows internamente por motivos de segurança

  1. Pingback: Tweets that mention Google abandona Windows internamente por motivos de segurança | keepgeek - Dicas Linux, Windows, Mobile, Tutoriais, Análises, Notícias, Tecnologia -- Topsy.com

  2. Felipe disse:

    Vi seu comentário la no site do Baboo… ah cara, vai tomar no cú vai, aonde Linux é melhor que o Windows, botando o Windows ainda mais na frente, que Linux é melhor que o Windows 7? Faz o seguinte? Usa uma máquina descente, põe Windows 7 nessa merda e passa a saber mais, antes de falar asneiras, se Linux fosse melhor, todo mundo estaria usando, ja que ele é “GRÁTIS, SOFTWARE LIVRE” como você menciona, mas nem assim o povo usa, por que reconhecem que Linux é uma merda, principalmente pra usuários domésticos. Pega seu conhecimento de bosta, e procure aprimorar-se, antes de BABAR OVO só porque se diferencia de 90 milhões usando a bosta do Linux. Se fosse no mínimo espertinho, ainda escolheria Mac, que ele sim, é S.O digno de se diferenciar do Windows, não essa bosta que tem um pinguin ridículo como logomarca.

  3. Felipe disse:

    Você acha que o Google vai ficar dando credibilidade à Microsoft filho? Se fosse uma coisa do tipo, super profissional e importante pra empresa, eles fariam isso de modo sigiloso, sem falar nada pra imprensa. Mas não, falou logo de “preocupação com segurança”, rs, como se o Windows fosse o SO mais inseguro, aiai… Isso é pra preparar terreno pro sistema operacional deles, se você usa um software da Google, eles já coletam informações do seu computador, que no caso, ja é uma coisa suja, agora, você acha que a empresa vai ser boazinha e não falar nada do Windows? Se o Mac ou Linux fossem os sistema mais usados, ou melhor, se um dos dois fosse o mais usado, o Google diria o mesmo, e se não fosse segurança, seria qualquer outra agulhada. 😉

  4. André Machado disse:

    Pra você defender o seu Windows desse jeito eu espero que ele seja original…

  5. Pingback: Microsoft critica Google por abandonar Windows | keepgeek - Dicas Linux, Windows, Mobile, Tutoriais, Análises, Notícias, Tecnologia

  6. Décio disse:

    Você quer dizer que o windows seria o melhor, porque se Linux fosse melhor, então todo mundo estaria usando?!
    Ahh, entendi, então, agora quer dizer que se ser burro fosse ser uma coisa pior, todo mundo seria inteligente?
    Então não seja burro… use Linux…!!!
    E não aconselhe os outros todos a serem burros, apenas porque os burros são maioria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s